Tô pensando aqui em como orientar minhas escolhas sem ferir aqueles que estão à minha volta, sem excessões.

Lendo algumas coisas e nas conversas com as amizades extraio 3 dicas práticas para os próximos dias:

  • Não confio plenamente em minha capacidade de escolher

Cresci me enchendo de coisas que gosto e coisas que não gosto, certeza que não sei a plena capacidade das coisas pelas quais tenho atração ou repulsa

  • Se eu estiver iludido, não vou saber

Isso é uma verdade sentida, simples: quando me iludi foi “de verdade” ahahah então se eu estiver iludido, como vou saber?

  • Só os amigos e as amigas podem nos salvar

Se pá nem sei exatamente quem são meus amigos, a cada dia que passa eles mudam pra melhor, na maioria das vezes. Então é sempre bom conversar mais um tiquinho para aprender mais um pouco sobre como somos, é vida, reveladora

Opa. Era sobre eleições né? rs

Ninguém falando do MMA do século: Mariana, Museu Nacional… cadê o Amarildo?

Então como é que escolhe?


0 comentário

Deixe uma resposta